Bongô

Bongô é um instrumento musical do tipo membranofone, composto por dois pequenos tambores unidos entre si. Há controvérsias sobre a origem dos bongôs: tambores semelhantes existem no Egito, onde são conhecidos por marwas e em Marrocos onde são chamados de tbila. Também a tabla, utilizada na música indiana tem parentesco distante com os bongôs. Em sua forma moderna, surgiu no final do século XIX na província de Oriente, em Cuba. Era um instrumento muito utilizado pelos grupos de Son e Changui, estilos musicais oriundos da fusão da música africana com a música espanhola, que deram origem ao grupo de ritmos conhecido hoje como Salsa.

Em geral abertos na extremidade oposta da pele e o corpo é geralmente cônico e constituído de várias peças de madeira encaixadas e presas por um ou mais anéis metálicos, numa construção semelhante a um barril.

Um dos tambores tem um diâmetro um pouco maior do que o outro. Embora não tenham altura definida, a tensão da pele pode ser ajustada para obter a faixa de alturas desejada. A diferença de tamanho faz com que um dos tambores seja mais grave do que o outro. O tambor maior e mais grave é chamado de hembra ("fêmea" em espanhol) e o menor e mais agudo é o macho.

Onjó Angoma oferece bongôs em madeira, com pele de cabra e aros de aço.




Bongô artesanal


Bongô artesanal





Bongô artesanal (infantil)

Bongô industrializado